Crie seu áudio profissionalmente

Depois de fazer sua primeira gravação, é hora de ouvir novamente, refinar o
áudio e garantir que todos os requisitos técnicos sejam atendidos! Embora o
GarageBand e o Audacity tenham funcionalidades limitadas e só possam levá-lo
até certo ponto sem ajuda profissional, eles oferecem as ferramentas essenciais
para ajudar seu audiobook a atender aos padrões técnicos – e veja como fazer
isso.
A taxa de amostragem é a frequência na qual o áudio é gravado; agregadores
pedem uma taxa de 41kHz. Tanto no GarageBand quanto no Audacity, essa é a
configuração padrão, mas verifique antes de começar caso seu equipamento de
hardware cause alguma alteração ao conectá-lo.
Painel do Audacity – A configuração da taxa de amostragem/projeto pode ser
encontrada na parte inferior do painel do Audacity.
Dica profissional: se você está tendo problemas com a interface do aplicativo,
existem muitos vídeos do Youtube que o guiarão por todos os pequenos
detalhes.
O próximo requisito é que o volume de seus arquivos de áudio esteja dentro de
um determinado intervalo: o volume médio deve estar entre -23dB e -18dB RMS,
e o valor de pico não pode ser maior que -3dB. Basicamente, você precisa
manter o volume médio dentro de um intervalo definido. Ao mesmo tempo,
qualquer ênfase singular ou momentânea (isto é, uma cena em que um
personagem grita) pode exceder esse intervalo, mas apenas até certo ponto.
Com o GarageBand, os plugins para esses ajustes já estão disponíveis. Para
escolher o intervalo RMS e o valor de pico, use o plug-in Compressor na guia
Mestre na parte inferior da tela.
Com o Audacity, você precisará instalar um plugin RMS Normalizer para
estabilizar o volume. Não deve custar dinheiro – você só precisa adicioná-lo
através da guia de plug-in no painel. Ciencias sociais nos dias de hoje

Leave a Reply

Your email address will not be published.